PORTUGAL SERÁ� MELHOR

  • - se a casa de Aristides de Sousa Mendes fôr reconstruída para um projecto ligado com a sua vida
  • - se houver mais locais para pôr as mãos na massa
  • - se cada um de nós Ler +
  • - se cada um de nós respeitar os passeios como lugar de trânsito dos peões, sobretudo dos que têm menos mobilidade
  • - se for mandado para as urtigas o princí­pio, muito vulgarizado: Tudo pelos amigos, nada pelos inimigos. Aos outros aplica-se a lei. É mais simples e justo se a todos se aplicar a lei.

POR UM JORNALISMO MELHOR

Recentes

Ligações


  • Get Firefox!

sábado, setembro 16, 2006

O JORNALISMO E NÓS

Oriana Fallaci, ontem falecida aos 77 anos, era um dos símbolos máximos de um jornalismo em vias de extinção. Um jornalismo que não deixava nenhuma pergunta incómoda por fazer, doesse a quem doesse. Um jornalismo que dialogava directamente com os protagonistas da História, fazendo da entrevista uma disciplina literária. E que tinha o mundo inteiro como palco de reportagem: nada do que era humano lhe era indiferente. No DN, texto de Pedro Correia