PORTUGAL SERÁ� MELHOR

  • - se a casa de Aristides de Sousa Mendes fôr reconstruída para um projecto ligado com a sua vida
  • - se houver mais locais para pôr as mãos na massa
  • - se cada um de nós Ler +
  • - se cada um de nós respeitar os passeios como lugar de trânsito dos peões, sobretudo dos que têm menos mobilidade
  • - se for mandado para as urtigas o princí­pio, muito vulgarizado: Tudo pelos amigos, nada pelos inimigos. Aos outros aplica-se a lei. É mais simples e justo se a todos se aplicar a lei.

POR UM JORNALISMO MELHOR

Recentes

Ligações


  • Get Firefox!

sábado, setembro 09, 2006

FALAR DE IMAGENS Um depoimento

Coloquei um desafio aos oradores e intervenientes do Falar de Imagens sobre os arquivos: o de me enviarem um depoimento sobre o que disseram e o que ouviram. O primeiro a responder foi Eduardo Cintra Torres:
A minha experiência pessoal como utilizador de arquivos de imagem (televisão, cinema, fotografia e imprensa) é positiva. Sempre tive acesso ao que pretendi. Fui razoável nos objectivos, pois um arquivo de imagens não é a mesma coisa que uma biblioteca. Agi sempre de acordo com o que era possível pedir, ver e obter. Ao adaptar-me ao arquivo, sem esperar que o arquivo se adaptasse a mim, fiquei quase sempre satisfeito com os resultados. Houve sempre abertura e interesse em bem servir o investigador: os arquivos existem para receber quem, precisa deles. Estou convencido de que no futuro, com o investimento nos arquivos e a melhoria das tecnologias que lhes são disponibilizadas, os arquivos poderão melhorar muito e facultar as suas bases de dados, como alguns já fazem (ex: arquivo de fotografia da CM de Lisboa). O ideal, no futuro, seria as bases de dados de todos os arquivos de imagem, públicos e privados, serem partilhadas e disponibilizadas na internet, como sucede com a Porbase para as bibliotecas, que é um projecto de grande êxito e fundamental para os investigadores e todos os cidadãos interessados.
Aqui deixo a relação dos arquivos que visitei como investigador, desde cerca de 1997: ANIM, Exército, Marinha, AN Fotografia (Ajuda), Carris, CML, CPF (na Torres do Tombo, Lisboa, e na Relação, Porto), CM de Braga, CM Évora,, CM Cascais,, RTP, SIC, TVI, TDM (Macau), Gulbenkian (entretanto transferido para o CPF, salvo erro), Diário de Notícias, Jornal de Notícias e Público.
Eduardo Cintra Torres